Ketchup Caseiro (na slow-cooker)

Boa tarde Alegria,


Se a vida te dá tomates, faz Ketchup.
A receita de hoje já há uns bons anos que está incluída na minha lista (fictícia) de receitas a testar um dia. O bichinho ficou me deste a altura em que fui visitar uma cliente inglesa e ela veio abrir o portão de acesso ao terreno e a meio da conversa disse me muito apressadamente: "Venho já tenho que ir mexer o que tenho ao lume". eu fiquei à espera e quando ela regressou, explicou me que estava a fazer ketchup caseiro e que volta e meia tinha que ir mexer o tacho e que eu não me admirasse se ela saísse mais vezes pois tinha que ir controlar o seu cozinhado. A senhora na altura estava a viver numa casa pré fabricada enquanto estava em construção a vivenda nova e então tinha no terraço da pré fabricada um mini fogão de 2 bocas com o famoso tacho (segundo ela já havia umas boas horas ao lume e com outras tantas pela frente) que não era nada pequeno (pois quando o fazia, o molho era para dividir sempre por toda a família e amigos próximos) e só vos digo o cheiro que inundava a rua era delicioso. Desde aí ficou me a vontade de fazer, como já referi, só que as receitas que via por norma eram demasiadas rápidas (sei que é estranho esta minha panca, risos), mas eu queria algo demorado e apurado.
Com o recebimento de uns bons kg de tomates, pensei acho que é desta que vou experimentar e se era uma receita lenta que eu queria, qual a melhor forma de o fazer que não na slow cooker.
Como é lógico poderá ser feito num tacho ao lume a mesma receita que vos dou mas a questão é até que ponto o gasto vai compensar a ausência de corantes, conservantes e E's.
Procurando, encontrei várias e resolvi misturar tudo e saiu um molho semi doce mas muito aveludado.

Aqui em casa ficou testado e aprovado, o meu miúdo assim que provou disse logo parece o de compra, por isso está tudo dito.

Sem mais demoras, vamos lá à receita.

Ketchup Caseiro


Ingredientes: 
1,600 Kgs de Tomates (pelados e sem sementes)
1 cháv. de Água
1 cháv. de Açúcar
1 1/2 cháv. de Vinagre de Sidra
1 Cebola (picada)
1 c. de chá de Alho em pó
2 1/2 c. de chá de Sal
1 c. de chá de Pimentão doce
1 c. de chá de Noz- Moscada
1/2 c. de chá de Cominhos
Pimenta q.b. (moída na hora)

Preparação:
Colocar na slow cooker todos os ingredientes e mexer bem.
Cozinhar destapado no High, por 10 a 12 horas ou ate reduzir para metade e estar um molho grosso.
Mexer uma ou duas vezes por cada hora. Quando tiver atingido o ponto, triture tudo e passe pela peneira de modo a descartar quaisquer peles ou sementes que tenham entrado na cozedura.
Rectifique os temperos, engarrafe até faltar 3 cm para o topo dos frascos esterilizados e depois é só pasteurizar.

Está ponto a comer.

Nota: O meu demorou cerca de 9 horas e meia a ficar pronto. Estas quantidades rendem cerca de 800 grs de ketchup.
Para pasteurizar basta colocar os frascos cheios ainda quentes, coloque dentro de um tacho de modo a ficarem cobertos até 2/3 da altura com água e quando ferver deixar cerca de 10 minutos. Deixe a repousar até arrefecer, aí é só limpar e armazenar na despensa.
Os próximos projectos com tomate será o concentrado e o molho, visto que os tomates aumentam a olhos vistos (risos).


Espero que gostem

Mensagens populares